Você precisa de um APP para sua presença digital?
Postado em Marketing Digital | 19 Abril, 2013
imagem_5_1.jpg

O que é exatamente um website? Uma propaganda? Um cartão de visitas? Um agregador de informações? Um portal de várias mídias?

A resposta é simples: tudo, e mais um pouco.

E se para o aproveitamento de sua presença digital ser máxima, é necessário se utilizar as melhores e mais completas tecnologias de mídias digitais e sociais, porque não também criar um App (abreviação de Aplicativo, geralmente usado para dispositivos móveis, mas na verdade para qualquer dispositivo, até um desktop)? Um App permite que você crie um atalho dedicado só à sua marca no dispositivo do cliente, com conteúdo e apresentação únicos, além de ser, de toda forma, algo bastante diferente do tradicional, pois são muitos raros os sites ou portais que fazem um App para promover sua marca ou fornecer conteúdo.

Acontece que existe uma boa razão para esta falta de Apps dedicados.

A primeira pergunta que você deve fazer é: o que é e para que servem os Apps dos dispositivos móveis?

" Muita gente se incomoda com "mais um ícone" nos menus do seu dispositivo móvel "

Um App é nada mais que um "programa" de computador, que é instalado no dispositivo do cliente para apresentar informações ou executar tarefas dedicadas à intenção do mesmo. Por exemplo, um navegador, um jogo, um leitor de dados de mídias sociais, um tocador de música, um agregador de informações (feeds) de vários sites, etc... A razão de se fazer um App e não um site que suporte apresentação móvel é única: O App tem acesso aos recursos do dispositivo, assim como permite efeitos visuais além dos que possam ser limitados pelos navegadores.

Você não poderia fazer um jogo que acesse os recursos de vídeos do dispositivo, ou algo que obtenha os dados do GPS em tempo real sem problemas; ou até um site que possa acessar os dados dos vários sensores do dispositivo. Além disto, existem restrições explícitas ao que um site pode fazer em qualquer dispositivo: ele não pode, por exemplo, ler ou escrever nenhum arquivo no seu dispositivo sem seu consentimento explícito (e mesmo assim, podem ser limitadas as formas e tamanhos dos dados armazenados). Para este tipo de aplicação, um App é altamente indicado, se não exclusivo.

Resumindo, as diferenças básicas entre as capacidades e limitações de um App se comparado com um site (mobile), são:

  App Site Comentários
Recursos Todos disponíveis pelo dispositivo Limitados ao que o navegador fornece Raramente você precisa de recursos extras
Sensores Todos disponíveis pelo dispositivo Geralmente apenas o GPS, as vezes nem isto em alguns dispositivos Você não precisa de acesso aos sensores do dispositivo
Arquivos Pode ler/escrever arquivos normalmente Amplas restrições para leitura/escrita de arquivos locais Não há necessidade de gravar dados no dispositivo
Dados Online ou gravados no dispositivo Apenas online (pode suportar "cache" temporária) Caso exista interesse em manter os dados em situações "offline", é aconselhado um App. Senão, basta carregar online.
Acesso Através de ícone do App no sistema Apenas através do navegador (bookmark) Muita gente se incomoda com "mais um ícone" nos menus do seu dispositivo móvel
Confiança A maioria das pessoas não se sente confortável em instalar Apps de "desconhecidos" O navegador garante a segurança, gerando confiança Você pode confiar no desenvolvedor, mas nem os mais famosos e confiáveis tem esta confiança dos usuários leigos. Já acesso à sites, as pessoas já tomam como seguro.
Facilidade Deve ser baixado, instalado e gerado um atalho. O uso pode ser diferente do normal dos sites Sem instalação, basta entrar no site, que segue padrões conhecidos de uso Muita gente tem dificuldade em lidar com instalação e gerenciamento de App, e se o desenvolvedor inventar uma interface diferente, complica seu uso. Além disso, exige espaço no dispositivo, que nem sempre "tem de sobra". Sites são simples de serem acessados e usados
Disponibilização Deve ser aprovado na "loja virtual" do dispositivo, o que prejudica velocidade de atualizações/correções Acesso imediato, manutenção simples. A criação, homologação, disponibilização e subsequente manutenção de um App é cara, e mesmo assim não garante atualizações em tempo real nem compatibilidade com todos os dispositivos. Um site bem feito funciona em qualquer dispositivo e pode ser atualizado/corrigido em tempo real.

 

Como você pode concluir da tabela, os poucos benefícios que um App fornece, como acesso à recursos, sensores e arquivos no dispositivo, não são necessários para a disponibilização dos conteúdos da grande maioria dos sites. Até mesmo home-banking pode ser feito via navegador (e é bastante recomentado se optar pela versão web - em navegador - do que versões App, pois as vezes um App malicioso que não foi feito realmente pelo banco pode passar pela homologação do dispositivo). Já sites fornecidos via Web, tem custo de criação e operação menores, fornecem uma interface e uso muito mais simplificado e conhecido pelo público, e não cria nenhum tipo de carga "extra" para o dispositivo, como ícones e programas se atolando na memória, o que muita gente evita. O fato de ser muito difícil de manter compatibilidade com todos os tipos de dispositivos móveis - a não ser que seja um App bem simples e portanto um site forneceria uma solução óbvia - também agrava a situação para se criar um App.

" NÃO, sua empresa não precisa um App "

A pergunta final, portanto é: você precisa de um App quando um site fornece a mesma apresentação com mais simplicidade, segurança, compatibilidade, facilidade de uso e menos problemas com acessibilidade e confiança? 

O custo de um App raramente é baixo (e se for, provavelmente é um App criado por um "App maker", que nada mais é que um navegador que exibe uma página HTML gravada dentro do App, ou seja, uma solução medíocre que ainda é mais cara que manter o site da empresa atualizado e tem todos os prejuízos citados de um App), e a adaptação de um site para garantir que ele seja compatível com dispositivos móveis é considerado um quesito básico para criação web hoje em dia - ou seja, qualquer site que você contrate, mesmo que não tenha uma versão dedicada à dispositivos móveis, deve pelo menos funcionar em sua versão original nos navegadores mobile.

Portanto, a resposta para a pergunta inicial é simples, rápida e exige pouca consideração: NÃO, sua empresa não precisa um App - de fato, seus clientes agradecem poder acessar todos os recursos que sua empresa oferece online em um formato web compatível e conhecido, sem ter que adicionar "mais um app" no seu dispositivo, que provavelmente vai ser desinstalado logo em seguida. Exceções - raríssimas exceções - existem, e se sua empresa se encaixa em uma delas, provavelmente já ficou claro a partir da tabela acima.

Converse com a agência digital que você contratou sobre suas necessidades mobile, e economize tempo e dinheiro garantindo que sua presença online seja um website moderno, que funcione em dispositivos móveis, sem a necessidade de atolar seus clientes com um App desnecessário.

COMENTÁRIOS